Gestão Estratégica de Custos

Como Trabalhamos

A implantação de “Fluxo de Caixa” ou de “Gestão Estratégica de Custos” dura de 10 a 12 visitas, dependendo do segmento do cliente. As visitas são feitas uma vez por semana e tem duração média de três horas. Podemos planejar todas as datas antecipadamente ou no decorrer do projeto.



As visitas para Gestão Estratégica de Custos, são para:

• Definição dos centros de custos da empresa.
• Estudo de todos os custos e despesas variáveis.
• Estudo de margem por serviço/produto.
• Definir o Ponto de Equilíbrio por setor e de toda a organização.
• Estudo do preço aplicado.
• Definição de metas de vendas.
• Reunião de planejamento estratégico e definição de metas para o futuro.

A implantação de Gestão Estratégica de Custos,

• Motiva e capacita o gestor a ter um enfoque amplo dos custos, externo à empresa, pensando na cadeia de valor em contraposição ao pensamento de que gerir custos tem um foco somente interno.

• A análise dos custos tem ênfese estratégica avaliando o comportamento dos gastos segundo a complexa interação do conjunto de direcionadores de custo em ação numa determinada situação.

• Capacita o empreendedor a enxergar como cada setor da empresa está interligado, como participam de um sistema único.

Gestão Estratégica de Custos

Quando tornamos os elementos estratégicos mais conscientes então podemos atuar gerindo tais elementos, desenvolver estratégias superiores é sair do comum, da visão tradicional que tem a tendência de provocar os resultados que já conhecemos.



É crucial calcularmos corretamente o custo de cada matéria prima envolvida no processo de fabricação, se determinadas matérias primas geram créditos de impostos, primeiro devemos considerar o crédito e depois partir para o cálculo de sua utilização na fabricação. Por exemplo:

Matéria Prima A = R$ 100,00 Kg.
Crédito de 27,25% de impostos
Valor a considerar = R$ 72,75

​Na indústria devemos separar o processo produtivo em fases da produção. Desta forma calculamos o custo do processo industrial através do método de custeio por atividade, o método ABC.

No comércio devemos avaliar o custo e as Margens Brutas obtidas em cada canal de vendas do qual participamos. É importante avaliar o giro de cada mercadoria e verificar se o estoque é adequado ou retém Capital de Giro.​​

Nos serviços, devemos avaliar cada serviço prestado e verificar também qual é a margem obtida em cada um. Algumas características específicas nos tipos de serviços prestados tem que ser levadas em conta no momento de uma análise estratégica de custos.

São elas:

Característica de Continuidade ou não do Serviço Prestado
Ganhos sobre Resultados
Expansão ou Retração dos Ganhos por Sazonalidade
Expansão ou Retração dos Ganhos por comportamento de Mercado
Possibilidade de Expansão do mesmo Serviço Prestado
Grau de especialização necessária, etc...

Depois de avaliarmos as despesas variáveis de comercialização e levantarmos as despesas e custos fixos, calculamos o Ponto de Equilíbrio da Empresa. O Ponto de Equilíbrio é calculado através da obtenção da Margem de Contribuição Média. O processo de determinação dessa Margem contribui muito para melhorar a visão estratégica que os gestores tem dos produtos , serviços e projetos analisados, contribuindo diretamente na construção de um ótimo Planejamento Estratégico.

Vídeos

CANVAS - Bussiness Model Generation

Alexander Oterwalter - Coautor do best seller Bussiness Model Generation com Yves Pigneur.

Canal do Professor Rodrigo Virgilio Martins

Nossa página de vídeos está se ampliando, disponibilizaremos muitas opções para você.



Homenagem ao Trabalho de Márcia Kühl Martins

Grande incentivadora dos meus projetos, parceira, orientadora e acima de tudo uma grande amiga.